Tecnologia do Blogger.

Estudando para Concursos?

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Questões Anteriores para estudar para o Concurso de Professores da SME / SP que será realizado em 2016

Saiu o edital normativo para a realização do Concurso para Professores da SME - SP (Secretaria Municipal de Educação de São Paulo)! O objetivo é contratar 2.472 Professores, com salários iniciais de R$ 2.475,00 + benefícios. Apesar do grande número de vagas, o concurso é bastante concorrido, já que recebe candidatos de todo o país. Para que você se prepare melhor para as seleções, o Grupo Nova separou algumas questões para você pegar o jeito e sair na frente dos concorrentes.

- As questões foram retiradas do concurso de 2015 para Professor da Prefeitura de São Paulo, organizado pela Vunesp.

1 - Paula é Professora de Educação Básica I, efetiva na rede estadual de São Paulo, há dez anos. Recentemente, foi nomeada para o cargo de Professor de Educação Infantil da Prefeitura de São Paulo. É correto afirmar que, conforme a Constituição da República Federativa do Brasil, Paula:

a) poderá acumular os dois cargos públicos, desde que haja compatibilidade de horários.
b) poderá acumular as duas funções, independentemente do horário de trabalho.
c) poderá trabalhar nos dois cargos, desde que não declare o acúmulo.
d) deverá exonerar-se obrigatoriamente de um dos cargos, tendo em vista que a regra constitucional é a inacumulabilidade.
e) poderá trabalhar nas duas esferas, pois não há restrições quanto ao exercício docente.


2 - A Lei Federal nº 12.796/2013, que altera a Lei nº 9.394/96, estabelece que a Educação Infantil é a primeira etapa da educação básica e tem como finalidade o desenvolvimento integral da criança de até cinco anos, em seus aspectos físico, psicológico, intelectual e social, complementando a ação da família e da comunidade. A Educação Infantil será organizada de acordo com a seguinte regra, entre outras:

a) carga horária mínima anual de 1000 (mil) horas, distribuída por um mínimo de 200 (duzentos) dias de efetivo trabalho educacional.
b) atendimento à criança de, no mínimo, 5 (cinco) horas diárias para o turno parcial e de 8 (oito) horas para a jornada integral.
c) avaliação, mediante acompanhamento e registro do desenvolvimento das crianças, com o objetivo de promoção, para o acesso ao ensino fundamental.
d) expedição de documentação que permita atestar os processos de desenvolvimento e aprendizagem da criança.
e) controle de frequência pela instituição de educação infantil, exigida a frequência mínima de setenta e cinco por cento do total de horas.


3 - Algumas professoras, durante o horário do café, estavam discutindo as incumbências dos docentes, definidas no artigo 13 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Assinale a alternativa que apresenta a professora que expressa corretamente o estabelecido na citada lei.

a) Carla: Como professores, temos que participar ativamente da elaboração da proposta pedagógica da nossa escola.
b) Ana: Eu vou além! Como professores, precisamos participar tanto da elaboração quanto da implementação da proposta pedagógica da unidade em que trabalhamos.
c) Marcia: Acredito que, além de elaborar, temos que acompanhar a execução da proposta pedagógica da escola, visando ao replanejamento de suas ações, caso necessário.
d) Fátima: Pelo que entendo, precisamos ter conhecimento do teor da proposta pedagógica da escola para que possamos elaborar nosso plano de trabalho.
e) Silvia: Ao professor cabe elaborar o plano de trabalho anual de sua turma, bem como a rotina semanal. A elaboração da proposta pedagógica é incumbência da equipe gestora da unidade escolar.


4 - O artigo 1º da Lei nº 11.645/2008, que altera a redação do artigo 26-A da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, estabelece que, nos estabelecimentos de Ensino Fundamental e de Ensino Médio, públicos e privados, torna-se obrigatório o estudo:

a) das diferentes culturas e etnias, especialmente das matrizes indígena, africana e europeia.
b) de conteúdos relativos aos direitos humanos.
c) de pelo menos uma língua estrangeira moderna.
d) dos princípios da educação ambiental.
e) da história e cultura afro-brasileira e indígena.


5 - Uma dúvida recorrente entre os professores, em todos os níveis, é: como se referir às pessoas acentuando sem preconceito uma diferença evidente? Nossa sociedade tem uma relação ambígua com a diferença de cor entre as pessoas, ao mesmo tempo em que a usa cotidianamente para desvalorizar pessoas negras, e, ao ser confrontada diretamente com o tema, tenta evitá-lo. Essas experiências com a nomeação da raça/cor das pessoas produz o receio concreto nas professoras quando trabalham o tema com as crianças.

É correto afirmar que um trabalho que envolve a diversidade e está atento para a igualdade racial:

a) deixa de nomear as diferenças.
b) substitui o nome das pessoas por epítetos.
c) utiliza as expressões corretas em contextos que façam sentido.
d) faz uso de termos considerados politicamente corretos.
e) emudece diante da identidade racial da pessoa.


Respostas:

Questão 1: A | Questão 2: D | Questão 3: A | Questão 4: E | Questão 5: C

E aí, quantas questões você acertou?

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Apostilas dos Concursos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo